Bernunça

Musica da Bernunça

Olha lá mestre vaqueiro escutais o meu cantar
vai buscar dona bernunça e depois o jaraguá

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça está ai acabou foi de chegar
da uma volta no salão já pode desamarrar

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

Por favor dono da casa venha na porta da frente
venha ver a brincadeira do bicho que engole gente

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça é bicho brabo que engoliu mané João
come pão come bolacha come tudo que lhe dão

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça está com fome escutais o que eu vou dizer
vai buscar um menininhos que a bernunça que comer

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça comeu um e ainda está com fome
vai arrumar mais uns meninos antes que ela te come

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

Olha lá mestre vaqueiro quando eu digo porque digo
vai trazer o jaraguá tas com cera no ouvido

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

Dentro do meu engenho tenho um saco de farinha
dentro da bernunça grande vai sair a pequeninha

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça quando dança ela sacode essa cidade
mas ela está doente vou levar no caridade

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça pequena tua boca não abriu
acho que ela está doente vou levar no infantil

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A brincadeira é engraçada eu quase morro de rir
Quem gostou da brincadeira já pode nos aplaudir

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

O vaqueiro da bernunça não se torna de demora
bota ela na corrente já pode levar embora

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

 

A bernunça já comeu e já fez a refeição
ela é da Vargem Grande pra manter a tradição

 

Olêê olêê olêê olêê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar
Olê olê olê olê olê olê olá
arreda do caminho que a bernunça que passar

© 2014 por Rafael Silveira. Todos os direitos reservados.

www.apac.com.br